You are currently viewing Direitos Humanos – uma questão de educação.

Direitos Humanos – uma questão de educação.

Há apenas três seres responsáveis pela nossa existência no mundo: a nossa Mãe, o nosso Pai e o Pai de Todos – Deus.

Somos colocados no Mundo como uma tábua rasa: sem falar qualquer língua, sem vestir nenhuma roupa, sem quaisquer valores e sem mais nenhuma certeza a não ser o primeiro passo que damos no Mundo “chorar”. 

A vida é uma dádiva de divina e nem o nosso Pai, nem a nossa Mãe serão responsáveis por nos tirar a vida… não têm esse direito, nem tampouco esse poder! Portanto, mais ninguém seria responsável por ditar a nossa posição no Mundo, apenas nós próprios! É um resultado quase matemático; é uma conclusão que deveria ser inata ao ser humano…

Nem com mais, nem com menos benefícios do que qualquer outra pessoa; nem com mais, nem com menos oportunidades do que qualquer outra pessoa; nem com mais, nem com menos condições do que qualquer outra pessoa; exatamente no mesmo patamar, literalmente a começar do zero sem ideias e sem conhecimento, ou seja, exatamente como a uma tábua rasa… o que distingue a minha posição no Mundo é apenas o meu amor, a minha dedicação, o meu esforço, a minha vontade, a minha predisposição e a minha fé. 

A luta pelos diretos humanos é tão antiga quanto o próprio ser humano e, mesmo assim, continuam a não ser respeitados, a não ser cumpridos… “A única solução é educação, educação, educação” e se calhar não vai ser suficiente. Mas como qualquer complexidade inerente aos processos educativos, continuamos a ter esperança e fé que, paulatinamente, o sucesso sobre esta luta seja evidenciado em todas as sociedades.

Os direitos humanos são o reconhecimento de que, apesar de qualquer variante passível de diferenciar os seres humanos, existem aspectos básicos da vida humanaque devem ser assegurados, uma tentativa de colocar um ponto final a todos os tipos de discriminação, promovendo a igualdade entre todos… não deveria ser necessário fazer-se aprovar uma declaração dos direitos humanos para resguardar universalmente o direito à paz, à segurança, à liberdade, à dignidade e à igualdade… porque é inato ao ser humano! São direitos básicos e fundamentais de todo e qualquer ser humano sem importar a classe social, sexo, raça, nacionalidade, religião, cultura, profissão, orientação sexual ou qualquer outra variável… Ou será que o ser humano não está desenhado para ser humano?